ÍNDICE

5 tendências de publicidade para você colocar em prática

5 tendências de publicidade para você colocar em prática

As tendências de publicidade não surgem do nada, elas certamente acompanham as mudanças de comportamento dos consumidores. É claro que isso varia de acordo com os hábitos de cada país. É comum ler sobre tendências de publicidade que estão dando certo nos Estados Unidos e não ter ideia de como isso seria possível no Brasil, por exemplo.

No entanto, estar bem informado é importante e faz com que você tenha ideias para manter qualquer negócio atual e relevante no mercado. Infelizmente é comum que os profissionais de marketing não saibam como incluir as tendências que estão bombando mundo afora nos seus planejamentos do dia a dia.

Esse artigo vai te deixar por dentro das tendências de publicidade mundiais, mas também vai ajudar a trazer tudo isso para a sua rotina de trabalho com dicas de soluções inovadoras para seus clientes. Vamos lá?

1. Pensar campanhas com foco na experiência mobile

Já passou a época em que o melhor era pensar em conteúdos e plataformas que se adaptam bem às telas dos smartphones

A realidade agora é outra: é preciso ter como foco principal a experiência mobile do cliente. Isso porque desde 2018 já temos mais de um smartphone por habitante

Em abril de 2019 foi divulgada a 30ª Pesquisa Anual de Administração e Uso de Tecnologia da Informação nas Empresas, feita pela Fundação Getúlio Vargas de São Paulo. 

No país temos 230 milhões de celulares ativos. Enquanto que o número de computadores, notebooks e tablets em uso é de 180 milhões.

Com essa realidade os vídeos têm se tornado protagonistas dessa história também, afinal, é mais fácil prestar atenção neles do que em textos e imagens estáticas. Os criativos precisam ser adaptados para a experiência mobile para continuar tendo relevância no dia a dia das pessoas.

De fato, as visualizações de vídeos em celulares vai mudar o budget de mídias. Você já deve ter percebido que as pessoas estão assistindo mais séries, vídeos e filmes em seus smartphones. Na América Latina, segundo dados Penthera de outubro de 2018, cerca de 6 pessoas em cada 10 assistem diariamente esse tipo de mídia.

Se você é ligado mesmo já deve ter tido o insight de seguir essas tendências de publicidade mobile investindo mais nos criativos em formato de vídeo. É isso mesmo! Essa pode ser uma ótima oportunidade de inovar de forma simples com foco na experiência mobile.

2. Anunciar no momento certo com publicidade contextual

Acredita-se que os consumidores têm medo de anúncios que reconhecem sua localização ou que demonstram conhecer seu gosto. No entanto, dados de um estudo da Price Water House Coopers (PwC), empresa especializada em consultorias para negócios no mundo inteiro, provam que é diferente na prática.

Cerca de 60% dos consumidores preferem que lojistas os identifiquem próximo às lojas e mandem ofertas personalizadas. Não é interessante?

Portanto, saem na frente as marcas que ajudam o cliente na tomada de decisão de forma rápida e simples. Isso porque com tantas opções de compra que o mundo globalizado oferece, as pessoas ficam indecisas.

Levando em conta esse cenário empolgante do uso de smartphones, a publicidade contextual ganha muita relevância. A partir desse conceito, é possível veicular ofertas na tela dos smartphones baseadas no comportamento recente do usuário e na localização.

A vantagem para o setor do varejo é aproveitar o melhor momento de compra: quando a pessoas já está perto da loja. 

Um exemplo simples de como isso já é uma realidade é o próprio App Pegou. Com ele, o lojista veicula ofertas que chegam direto no celular das pessoas que passam perto da loja anunciante. Isso acontece através de notificação push automaticamente.

3. Criar uma experiência digital nas lojas físicas também é uma tendência da publicidade

Já falamos em outro artigo do blog sobre a digitalização do varejo. É legal perceber que simples alterações na organização da loja podem mudar completamente a forma como os consumidores enxergam um negócio, agregando valor e relevância.

O que você acha que chamaria mais sua atenção enquanto passeia pelo shopping?

A) Uma loja com manequins na vitrine

B) Uma loja que tem um espelho digital na vitrine e quando você pára em frente, ele simula que você está vestindo a roupa. Como se fosse aquele filtro do instagram que coloca óculos escuros em você, por exemplo.

Pois é, esses espelhos já estão em algumas lojas por aí. A ideia era mostrar como essas possibilidades são atrativas. Um exemplo mais simples, são as lojas que usam displays digitais ao invés de cartazes na loja. O resultado é um ambiente mais empolgante para os consumidores. 

Quando o orçamento não viabiliza esse tipo de reforma na loja, é importante usar a criatividade para integrar a experiência presencial ao ambiente digital. O marketing pode apostar em colocar QR Codes nas lojas que levem para landing pages de cadastros ou para um conteúdo de branding mostrando informações sobre o produto, por exemplo. 

4. Oferecer uma experiência omnichannel para os clientes

É sempre bom lembrar que a jornada de compra nos dias de hoje é multicanal. E isso já é muito natural. Os consumidores não separam “hoje eu vou fazer uma compra online” “hoje eu vou comprar na loja”, é tudo uma coisa só: comprar.

Em 2017, Harvard Business Review reportou que 73% dos consumidores usam mais de um canal para realizar uma única compra. Normalmente procuramos informações sobre os objetos de desejo online, ou recebemos um anúncio, ou somos influenciados por alguém através das mídias sociais.

Todo varejista precisa aderir uma estratégia omnichannel para permanecer no mercado. Além disso, para se destacar é preciso oferecer uma experiência de compra consistente que integre canais online e offline, criando um relacionamento entre a marca e o cliente que não depende de um único canal.

Lojistas e publicitários erram por muito pouco. O primeiro passo é unificar a comunicação da empresa, afinal, ser consistente com uma estratégia omnichannel é passar a mesma sensação para um cliente em todos os touch points digitais e na loja física.

5. Segmentar anúncios usando big data

O que está a frente das tendências de publicidade é o uso de big data para veicular anúncios de forma mais assertiva. É comum que só de ler essa expressão complicada, os publicitários pensem que isso é coisa das pessoas de TI.

No entanto, a dica para quem é da área de comunicação é se aproximar do big data para aprender a usar dados da audiência para aprimorar as estratégias.

Big data é a tecnologia que permite coletar, armazenar, processar e analisar dados. Acontece que esses dados têm origem no comportamento dos internautas. Para a publicidade, big data está a serviço de assimilar perfis de consumidores em tempo real.

Para o marketing digital, existem muitas soluções que usam a tecnologia big data e elevam a capacidade das tomadas de decisão. Campanhas mais precisas podem ser feitas com a compra de mídia programática, que usa big data para fazer leilões online de audiência em tempo real e possibilita anúncios bem segmentados.

Essas tendências de publicidade têm foco na experiência do cliente, afinal, essa é a verdadeira novidade na forma de fazer publicidade. 

Antes o foco era o produtos e suas vantagens, agora é preciso agregar valor à vida das pessoas para se manter no mercado. Para entender melhor o cenário do varejo atualmente, leia o artigo Varejo de serviços: conheça a nova tendência do setor

Você também pode gostar:

Digitalização no Varejo: faça a transformação no seu negócio

Digitalização no Varejo: faça a transformação no seu negócio

O desafio é grande, mas você não pode adiar a decisão de aderir a digitalização no varejo. Descubra por onde começar a transformação digital do seu negócio.

Leia mais
Saiba porque o varejo Omnichannel é necessário para o seu negócio

Saiba porque o varejo Omnichannel é necessário para o seu negócio

Descubra características do varejo omnichannel e 3 vantagens que oferece para melhorar experiência de compra dos seus clientes.

Leia mais

Comentários

Conquiste mais clientes
infográfico

Conquiste mais clientes

4 passos para você conquistar novos clientes com anúncios mobile.